domingo, 22 de junho de 2014 • por Thuany Santos
No Japão, o Tsuru é uma ave sagrada e representa saúde, sorte, longevidade e felicidade. E segundo a lenda japonesa se fizermos 1000 tsurus com o pensamento fixo em algum desejo, o mesmo será realizado.



Em 2012 eu tinha como um dos objetivos de uma lista 101 em 1001 que criei lá no meu blog (pra quem não sabe eu também tenho um espacinho só meu na internet) aprender a fazer o origami de tsuru. E depois que aprendi, viciei. Toda vez que ficava ansiosa, nervosa, impaciente e tinha um pedacinho de papel na mão, fazia. 

Na mesma época conheci o Giulliano. E começamos a sair. E enquanto estávamos de carro, indo para algum lugar, eu pegava os papéis que estavam no carro (aqueles flyers de imobiliária que todo mundo recebe no sinal) e ficava transformando em pequenos tsurus. E ele ficava todo bobo quando eu escrevia algum recadinho nas asas do origami.

No dia 15/07/2012 eu acordei com flores. E um desejo de bom dia. A noite nós iríamos num barzinho muito charmoso daqui de Curitiba, a Casa di Bel. E bom... como devem imaginar, ele me pediu em namoro. De uma maneira muito linda: com um scrapbook dos momentos que já tínhamos vivido juntos e me convidando a continuar escrevendo uma história com ele. 

Aceitei e chorei. 


Quando ele me deixou em casa, disse que as surpresas ainda não tinham terminado. Tirou uma caixa do banco de trás e pediu que eu só abrisse quando entrasse no meu quarto. E quando entrei, a surpresa. 

Ele assistiu tutoriais na internet pra aprender a fazer um tsuru pra mim. A gente ainda não sabia, mas já estava se amando.


Desde então, o tsuru passou a ser a nossa declaração de amor. O nosso O.K

E foi por isso que no ano passado pedi que ele desenhasse um tsuru e tatuei o desenho no meu ombro. Quero ter ele sempre comigo quando eu for realizar os meus sonhos. Quando estiver feliz e quando não estiver tão bem. Quero sempre lembrar que existe amor verdadeiro, e que já provei dele. 

E se um dia me perguntarem: "e se acabar, você não vai se arrepender?" 
Como poderia me arrepender de algo que me fez tão feliz?

E..não vai acabar. 



Marcadores: , , , , , , , ,


Postado por

Thuany Santos




comentários | compartilhe!



comments powered by Disqus



Ciao a tutti!
Sejam bem vindos ao nosso diário de bordo.
Aqui iremos compartilhar um pouco de nossa vida: rotina, sonhos e viagens. Viajar é o que mais gostamos de fazer juntos e por isso criamos o projeto Pés Viajantes. Para saber mais sobre a gente, clique aqui, e boa viagem!


CATEGORIAS





ARQUIVOS



Pés Viajantes - 2014 ©
Todas as postagens aqui contidas são de autoria da Thuany Santos e Giulliano Zanlorenzi, exceto quando apontado o contrário. As imagens utilizadas são fruto de reproduções, e se você teve seu conteúdo publicado aqui e deseja que seja retirado, entre em contato em doispesviajantes@gmail.com.
Design e codificação por Júlia Duarte.
Ilustração por Alana Prado, Lanillu

From scratch, with ♥
Powered by Blogger.